“Aquele que não conhece a verdade é simplesmente um ignorante, mas aquele que a conhece e diz que é mentira, este é um criminoso”. (Bertolt Brecht)

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Brasil Místico

A série, com 13 episódios, aborda os discursos, os rituais, a fé e a beleza de religiões existentes no Brasil. Para isso, conta com a participação de líderes religiosos, fiéis, pesquisadores, especialistas, além de ateus e agnósticos.  Com o objetivo de registrar as diferentes crenças no Brasil, foram selecionadas mais de 50 religiões no território nacional. Entre as religiões, estão a protestante, umbanda, espírita, hare krishna, católica, budismo, judaica e islâmica. A série traçará um paralelo entre as manifestações religiosas, identificando semelhanças e alteridades.
Direção: Sílvio Tendler
Ano: 2014
Áudio: Português
Duração: 26 min. cada episódio
Tamanho: 385 MB
Clique no nome do episódio para baixar

Qual é o verdadeiro sentido da nossa existência? De onde viemos e para onde nos estaríamos nos dirigindo? O que realmente motivaria o ser humano a ser conduzido em direção aos caminhos da fé? O ser humano é obrigado a lidar com fenômenos que não possuem uma resposta conclusiva. O povo brasileiro, em particular, apega-se à fé, a algo sobrenatural como forma de aliviar sua dor, sua incompreensão...

Cada religião encara o fim da vida terrena de uma forma particular. O que seria o pós-morte? Como se da a ritualização da Morte? Esse tema será explorado a fim de compreender-se melhor a mensagem filosófica que cada religião pretende passar acerca do significado da Morte e da Imortalidade.

As religiões propõem princípios norteadores da conduta humana na sociedade que influenciam na construção de diferentes dinâmicas sociais das mais diversas culturas encontradas no Brasil. Cada uma possui peculiaridades ricas e reveladoras: quais seriam as semelhanças e diferenças entre sociedades indígenas, a partir de seus preceitos religiosos?

É fato que o avanço da Ciência, através das novas tecnologias, tem possibilitado aspectos positivos jamais vistos pela Humanidade. Mas também nos expõe aos limites para o respeito aos mandamentos divinos. Como a Religião pode contribuir para a construção do Conhecimento? A Ciência é autossuficiente? Como se dá o diálogo entre Ciência e Religião no Brasil?

Religião e Religiosidade podem, em princípio, soar como sinônimos. Contudo, há uma diferença enorme que as diferencia. O ser humano religioso geralmente frequenta uma instituição religiosa onde são realizados cultos e rituais.

Os ateus e os agnósticos representam uma importante parcela da população brasileira. Por conseguinte, não poderíamos deixar de analisar esse grupo que ao se opor aos ideais propostos pela religião acabam, no entanto, assumindo um papel antirreligioso que deve ser debatido e aprofundado.

Nas religiões, assim como na sociedade, os papeis masculinos e femininos são previstos. Rituais, vestimentas e hierarquia são atribuídas distintamente para homens e mulheres. Algumas delas por tradição não tem mulheres nas lideranças; a luta por esse espaço é uma busca por afirmação e reconhecimento. Em algumas religiões as mulheres já exercem as funções mais importantes.

No Brasil, o Estado é laico, mas presenciamos um crescimento de parlamentares ligados a diferentes correntes religiosas que denotam uma relação entre Estado e Religião. Nesse sentido, é fundamental analisar como se dá essa dinâmica e se é possível fazermos um juízo de valor acerca da atuação desses representantes em favor de sua agenda baseada em seus valores religiosos.

Buscaremos retratar rituais fundamentais na diversidade religiosa brasileira, bem como seus significados contidos. É extremamente valioso observar a multiplicidade e a riqueza dos rituais – como os toques dos atabaques determinam a comunicação com as divindades, caso do Candomblé e da Umbanda; ou onde o silêncio é o fundamento para a espiritualidade, como no caso do Budismo.

A sociedade brasileira vem passando por profundas transformações no que se refere aos arranjos familiares. Antigamente, era comum que os casamentos durassem “que a morte os separe”. Hoje em dia, no entanto, é cada vez mais comum que casais se divorciem e seus filhos passem a ter que conviver com o fato de que seus pais tenham novos parceiros.

Como obras literárias promovem uma revelação divina? No Islamismo, o Alcorão como a última escritura revelada. Já para o Cristianismo, a Bíblia é considerada o Livro Sagrado, sendo Jesus a encarnação de Deus. No Judaísmo, o livro sagrado é a Torá que teria sido entregue por Deus a Moisés. Por conseguinte, buscaremos compreender a importância desses livros sagrados para as distintas religiões.

Neste episódio exploraremos alguns lugares sagrados e místicos que existem no Brasil. Nesse sentido, exploraremos a forte religiosidade presente, por exemplo, em Juazeiro (CE), Vale do Amanhecer (DF), Abadiânia (GO), Codó (MA), as tribos Mundukuru (PA) e o Santo Daime (AC).

Ética constitui um conjunto de valores morais e princípios que norteiam a conduta humana na sociedade. Na contemporaneidade, a Ética está sendo pautada constantemente à luz dos novos desafios da Humanidade: bioética, redes sociais, relacionamentos fugazes, aceleramento do ritmo da vida, relação com a Natureza e com o próximo. O que seria a ética para cada uma das religiões?

Um comentário: